Diocese realiza reunião do Conselho Diocesano de Pastoral Ampliado

 

Aconteceu na manhã deste sábado, 09, no Auditório do Centro Pastoral São João Paulo II – Cúria Diocesana -, a Reunião do Conselho Diocesano de Pastoral Ampliada, convocada pelo bispo diocesano, Dom João Wilk. Estiveram presentes os coordenadores das respectivas regiões Pastorais da Diocese, dois representantes de cada paróquia (membros do Conselho Pastoral Paroquial- CPP), superiores dos religiosos e das religiosas, ou seus respectivos representantes, coordenadores diocesanos das pastorais e movimentos e os colaboradores da Cúria Diocesana.

A reunião foi coordenada pelo padre Tiago Hérick Apolinário Martins de Queiroz, da paróquia Nossa Senhora do Carmo, de Anápolis. Teve início com um momento de espiritualidade conduzido pelo padre José Nilton da Cruz Alexandre, da paróquia Santo Antônio, de Cocalzinho – GO, sobre a Lectio divina “Empenhai-vos por anunciar o Evangelho” (Cf 15,20). Na reflexão o padre ressaltou que para se tornar um evangelizador, precisa-se primeiro experimentar o evangelho. Após relatar várias experiências que os Apóstolos e os discípulos passaram, alertou cada um em comunidade experimenta de modo diferente o evangelho, é uma experiência única. “Precisamos lançar a semente, a missão não deve ser vista como peso, mas como lucro e pedir sempre a graça e a coragem ao Espírito Santo”, disse.

Logo após, padre Rogério Silva de Morais, pároco da Catedral do Bom Jesus, continuou o momento formativo com o tema “Desafios das culturas urbanas” segundo o documento Evangelii Gaudium, do Papa Francisco. Padre Rogério começou apresentando o tema discutido na XIII Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, cujo tema é “A Nova Evangelização para a transmissão da fé cristã”. Baseado nas palavras do Papa Francisco o sacerdote apresentou a importância de concentrar a evangelização onde estão as pessoas.

“Diante da grande concentração das pessoas na zona urbana surge o desafio de evangelização, haja vista que nem todos são católicos, há ainda a existência de diferentes estilos de vida, formação de novas culturas, vida acelerada, prevalência do relativismo, ambiente multicultural, problemas das cidades (tráfico de drogas e de pessoas, abuso e a exploração de menores, abandono de idosos e doentes, violência, dentre outros), realidade da desconfiança e falta de segurança, disse padre Rogério.

Durante a reunião foi apresentado um vídeo sobre a Expansão Urbana e Evangelização. O padre Francisco Soares Pereira, da paróquia São Cristóvão, em Anápolis, fez uma breve introdução acerca da elaboração do vídeo e do tema abordado. O coordenador diocesano de pastoral e pároco da paróquia Nossa Senhora do Rosário, padre Augusto Gonçalves Pereira, fez considerações sobre as conclusões da Assembleia Diocesana de 2018, apresentou ainda a nova forma que serão chamadas as regiões 1, 2, 3 e 4, respectivamente, Sant’Ana, Nossa Senhora de Fátima, Nossa Senhora do Rosário e Nossa Senhora da Penha. Padre Augusto ainda falou que à luz das propostas da Assembleia, a partir do método ver, formar e agir, se desenvolveu a Comissão Diocesana de Formação Missionária. Depois o bispo diocesano, Dom João Wilk, fez uma explanação sobre a Campanha da Fraternidade 2019, com o tema “Fraternidade e Políticas Públicas” e lema “Serás libertado pelo direito e pela justiça” (Is 1, 27).

Após as considerações finais, os presentes participaram de um almoço fraterno.

Ir para o topo